15 de nov de 2009

II Coletânea Scriptus - A Livre Escrita

<== Encomende seu exemplar da II Coletânea Scriptus - A Livre Escrita, direto com os autores. Visite a página da Coletânea no site, e saiba como entrar em contato com cada um. ==>

Um Degrau
Existe um ditado popular que diz que todo homem (e aqui deve - se considerar que o dito popular é mais antigo que a quebra de preconceitos e do politicamente correto, logo incluamos as mulheres no contexto) deve, para sentir - se completo, plantar uma árvore, ter um filho e escrever um livro.
Aqui, em mais esta coletânea editada pela Novitas, está a consumação dessa afirmação; alguns já contribuíram para a nossa literatura com livros próprios, porém temos entre os quinze autores que formam "marinheiros de primeira viagem" que resolveram e ousaram! - publicar seus textos em papel pela primeira vez. Se não publicaram ainda um livro solo, ao menos fazem - se agora presentes no grande painel das letras e ideias.
Nós da Editora Novitas consideramos que a coletânea é um degrau: para muitos, apenas o primeiro de uma longa e prolixa carreira como autor e por isso mesmo valorizamos tanto a todos que se aventuram em mostrar algo que certamente poderia até estar já coberto pela poeira do esquecimento, em uma gaveta qualquer. Para outros tantos, serve como laboratório de estilo e gênero literário.
Aos leitores que aqui chegaram, nosso respeito. Em um mundo de correria e de meias informações, aquele que se compromete a ler um livro é um aventureiro que com certeza descobrirá novos mundos - imaginários ou não - que os autores aqui presentes se dispõem a lhes mostrar.
A nossos novos amigos, os Autores: nunca desistam. A magia da escrita é um dom que não deve ser nunca esquecido ou protelado. Sigam em frente e ajudem, com suas palavras, a formar as próximas gerações.
David Nóbrega, Editora Novitas

Nada é mais livre do que escrever.
Escrevendo, conseguimos dar a conhecer histórias - nossas ou de outros - não importando de onde sejam.
Criamos situações, maquiamos personagens.
Assumimos a primeira pessoas, escrevemos como se fosse verdade...
Somos quem não somos e por vezes mostramos quem não gostaríamos de ser.
Morremos, vivemos e amamos em linhas corridas pelas páginas de livros que nos tornam livres, pois escrever ; é liberar pensamentos, exorcizar todos os medos, desintoxicar a alma. E nessa miscelânia de sentimentos provocar as emoções de outros, nossos leitores.
Aqui estão quinze pessoas - Adriana, Bruno, Carlos Eduardo, Carlos Emerson, Cezarina, Cristiano, Flamarion, Gilmar, Isiara, Madalena, Marco, Nanda, Natália, Ninah e Wemerson - que poderiam facilmente serem chamados de joões, marias e afins, pois são escritores. E escritores tem algumas almas a mais, cada um com seu nome próprio, para contar histórias - deles ou de outros.
Letícia Losekann Coelho
Editora e Poeta




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Livre para opinar, mantendo a educação..