11 de jul de 2009

Leia - escute - entenda... Antes de comentar

"O inteligente se previne de tudo; o idiota faz observações sobre tudo."
Heinrich Heine.

Quando somos pequenos aprendemos que perguntar faz parte do aprendizado. Criança que não pergunta e aceita sempre o que lhe foi dito, pode ser que não entendeu... Ou que tem vergonha de perguntar... Ou que tem medo de pensar. Junto com a questão do perguntar, vem a do discordar... Quem é professor sabe, que nada é mais legal, do que ver um aluno discordando e incitando o debate inteligente em sala de aula... Debater ideias contraditórias é legal, pode - se surgir aí um conceito, algo que venha a acrescentar. Já, existem os que aprendem a discordar de tudo inclusive do que não deve ser discordado... Esses são alunos chatos, do estilo: eu lhe dou uma caneta vermelha e digo: - Pegue essa caneta vermelha! Ele discorda e diz que a caneta é verde, mesmo sendo vermelha e ele vendo que ela é vermelha. Isso ao contrário do discordar com inteligência, não é construtivo, e dependendo do que for a questão... Pode ferir alguém. Todas as crianças um dia serão adultos, e se agimos de tal maneira quando pequenos as vezes nada muda.

E você, é uma pessoa que ajuda a construir ou discorda por discordar?

As vezes as pessoas são tão grossas em suas "opiniões"(?) contraditórias, que acabam ferindo e magoando as outras de forma gratuita. Magoam pelo simples prazer de discordar e querer tecer comentários sobre algo que ignoram, ou que fingem ignorar. Acordam com os "ovos virados" e descontam suas frustrações em qualquer um que esteja pelo caminho... Mesmo aquelas pessoas que fazem a diferença no mundo. Como eu digo, fazem a estréia de novas ferraduras em qualquer um, sem fazer distinção!

E você? Conhece gente amarga que te puxa para baixo? Eu conheço várias e sabem o que eu faço? Se for de convívio pessoal eu não vejo mais a pessoa, e se for de convívio "internético" eu deleto... É simples assim. Não somos obrigados a conviver ou ler pessoas que fazem o "mal uso da palavra" e não acrescentam nada em nossa vida.

"Continuo achando graça nas coisas, gostando cada vez mais das pessoas, curiosa sobre tudo, imune ao vinagre, às amarguras, aos rancores."
Zélia Gattai


As pessoas precisam prestar mais atenção no que falam e principalmente no que escrevem. Tudo o que você fala, um dia alguém esquece ou dizem que você falou... Agora o que você escreve fica para sempre e nem sempre o que você escreve é algo para ser guardado, mas com certeza alguém vai guardar... Somente para lembrar como você é na verdade.

Existem os que fazem questão de pegar somente uma frase do que você falou e tentar fazer um auê, como foi o caso do Chico Buarque que disse que acha chato escrever, pq demora muito e prefere ler. Já escutei inúmeros escritores dizendo que o exercer sua escrita era algo sofrido, outros dizem que é algo prazeroso... Outros escrevem em 5 minutos e alguns em dois dias. Dizer que é chato escrever, qualquer autor pode dizer, principalmente os que demoram muito e que precisam de mais tempo para escrever. Existem autores que depois de escrever um livro passam meses sem criar, como se fosse uma "ressaca" e existem outros que criam logo algo novo. A parte que Chico Buarque falou que preferia ler foi quase engolida pela intensa vontade de pegar uma frase de efeito e atirar em manchetes de jornais. Certamente quem participou da FLIP deve ter ouvido algo mais que essa frase, agora quem não foi e nem viu o vídeo completo online pega somente uma partezinha e diminui todo o debate.

Existem os que se dizem jornalistas e acabam ferindo com seus comentários um Estado inteiro. Como foi o caso do Chico Lang que desceu a lenha não só em gremistas e colorados, mas tentou fazer link com o nosso futebol e com política. Infeliz texto da parte dele, e não podemos chamar nem de artigo o que ele escreveu pq aquilo é um texto cheio de opinião pessoal. A bem da verdade é que o senhor Chico Lang, não entende nem de futebol e nem de política, mas como recebe para escrever... Precisa escrever sobre algo.

Existem as pessoas que tem blogs e comentam em diversos posts. Mas são aquelas que aparecem só para discordar não interessa o que for. Acabam magoando outras pessoas, fecham a caixa de comentário e saem para discordar em outro blog. Eu pergunto aqui, quem é que não conhece o caso de Flávia e Odele? Quem nunca escutou falar? Bem quem nunca escutou ou leu, se encontra nesse link , mas é importante frisar que se Odele tivesse ficado calada diante do que aconteceu com a Flávia, centenas de pessoas não se dariam conta antes de ver acontecer com seu filho ou de ler em manchete de jornal o perigo que é um ralo e bomba de sucção instalados de forma errada em uma piscina. Para quem acredita em Deus, dizer que foi Deus quem quis assim? Olha eu quero deletar essa parte de minha memória, pq se Deus permitiu isso ele não é um cara bom como se diz por aí. Dito isso, acho um absurdo que ainda existam pessoas que não entendam o porque Odele luta tanto por essa questão e o porque existem tantas pessoas que se engajam juntos com ela.

"Você pode descobrir mais sobre uma pessoa em uma hora de brincadeira do que em um ano de conversa."
Platão


Antes de comentar ou falar algo, leia - escute - entenda... Não se pode sair "tacando" pedra em todo mundo sem razão nenhuma... Só para discordar de qualquer coisa.


<span class=

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Livre para opinar, mantendo a educação..