25 de mar de 2010

Acabou o benefício da dúvida

Eu ando muda, o quanto posso em se tratando do Governo ou mesmo de política, porém em algumas situações, o "estar" muda torna-se inviável!


É engraçado quando passo a compreender que eu e meus amigos não tenhamos mais o benefício da dúvida, o direito de questionar e discordar... Não, nós não temos! No Brasil, não existe mais oposição, sendo que o que existe realmente é uma minoria que luta para ao menos ser ouvida. Quando somos ouvidos, acontece que somos desacreditados e vemos nossa inteligência ser nivelada a de quem não é cidadão e sim torcedor do Brasil.

O Governo que tanto "gosta de dialogar com o povo" , abriu um blog que não permite comentários. De forma estranha não quer saber a opinião de quem lê, mas isso não é novidade para ninguém. Assim que o blog foi criado, muitas pessoas criticaram a postura de não existir um espaço para que nós humildes e desimportantes eleitores, escrevêssemos o que achássemos por bem escrever do que lemos.

Mas uma luz se abriu no fim do túnel: do alto de toda sua "mudez" o blog do Planalto resolveu abrir um twitter e percebi que estavam dialogando com as pessoas. Li que Maristela Bairros, jornalista com extenso currículo, estava questionando de onde surgem as pessoas que fazem as perguntas ao Presidente, já que a única coisa que existe é o nome, idade e a cidade. O twitter do blog do Planalto por sua vez, incapaz de responder uma pergunta simples, começou a dizer que Maristela estava mentindo quando fez uma constatação óbvia, pela falta de informação dos requerentes e deixou uma dúvida no ar: essas pessoas existem de verdade?

No meu entendimento de cidadã, quando pergunto algo simples quero uma resposta objetiva e imediata, e quando vejo ou leio alguém perguntar algo, fico atenta à resposta! Pois, não foi bem assim... Não é assim!

A resposta é um vácuo!

Hoje, depois de ler o que a pessoa que escreve no blog do Planalto escreveu para Maristela pelo twitter, somado ao que responderam para mim, fica a constatação que :

As pessoas que escrevem para o Sr. Lula responder, na verdade são leitores de jornais cadastrados e vejam que existem pelo menos uns 130 jornais nessas condições! A Secretaria de Comunicação recebe as perguntas e o presidente responde... Mas fica a pergunta: Quem são as reais pessoas que fazem esses questionamentos?

O blog do Planalto pediu para que eu pesquisasse. Mas pesquisar onde, já que desmereceram a pesquisa que Maristela fez no Google e na verdade o sujeito blogueiro Planalto nem sabe realmente quem são essas pessoas?

Pode ser mero detalhe, mas por causa de uma anotação em agenda, Lina Vieira foi chamada de mentirosa pelo Governo, que disse que ela nunca havia falado com Dona Dilma. Detalhes gente, são sempre importantes e o Governo sabe bem como usar os detalhes preciosos em informações que lhe sejam necessárias.

O Sr. Lula pode falar em alto e bom tom que os jornalistas e a imprensa mentem! O Sr. Lula não precisa provar nada, pois o Governo não precisa explicar nada! Tudo é culpa dos outros: do FHC, da minoria (oposição), dos jornalistas, dos "tablóides".

O governo Lula, não nos concede o benefício da dúvida. E isso pode em um País que lutou tanto para ser democrático?

Pode, pode sim!




4 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

Livre para opinar, mantendo a educação..