1 de fev de 2010

Pesquisas

Algo me incomoda, e muito: Sou um excluído social.



Não me entendam mal; tenho  relacionamento real e virtual com várias pessoas, além de ser casado e ter meus filhos (os filhos digo para que se note que chego mesmo a ter relacionamentos íntimos com alguém). Alguns gostam e outros detestam do que sou, mas essa é a vida.


O "excluído social" ao qual me refiro é o relativo às pesquisas. Nunca fui entrevistado nem para saber da marca de papel higiênico que uso.



Me deixa frustrado saber que novas pesquisas são levadas a cabo dia após dia, sem minha participação. Em ano eleitoral então, sinto-me mais sujo que fundo de gaiola. Sou um nada como cidadão, posto que nenhum grande centro de pesquisa queira saber de minha humilde opinião.



Hoje é dia de revanche: na barra aí à direita, montei minha própria enquete. Quero saber o que as pessoas comuns ou não pensam.



Por favor, votem! Vocês são minha última chance de pensar que sou alguém neste nosso Brasil varonil. Se nem assim funcionar, vou escrever uma cartinha para o presidente e pedir uma bolsa moral-baixa.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Livre para opinar, mantendo a educação..